Menu
Candidatos > Dicas de entrevista

Dicas de entrevistas 


Tudo certo, já deixou o seu currículo atrativo, selecionou as vagas que mais te agradaram e agora é chegada a hora temida para muitos: a entrevista!

A melhor atitude a se tomar é ficar calmo. Pois quando estamos nervosos nos dá um efeito de paralisia e você acaba não sendo você mesmo, e o mais importante numa entrevista é você conseguir mostrar o que você é e o que você sabe. Para isso é importante falar de forma clara e objetiva, se atentar ao que o entrevistador está perguntando e responder sem rodeios, porém sem respostas curtas. Para tudo o que te for perguntado lembre-se: manter-se na pauta em questão, explicar de modo claro sem deixar dúvidas, mas sem dá respostas rápidas, pois podem demonstrar desinteresse ou despreparo. Para demonstrar o seu interesse responda com entusiasmo! Nesse momento deixe gírias de lado, procure se comunicar de maneira mais formal, o entrevistador não é o seu brother.

Não é preciso nem dizer para ser pontual. Hoje em dia, por conta de trânsito, obras e imprevistos, é necessário que você saia de casa com bastante antecedência. Esse fator já conta ao seu favor, pois demostra comprometimento.

Procure conhecer a empresa na qual quer trabalhar. Pesquise sobre sua história no site da empresa ou em reportagens, além de um pouco de sua história, saiba dados como: quantidade de funcionários, quantidade de unidades e onde elas ficam, objetivos, valores, faturamento anual, junções recentes com outras empresas, etc. E não é só para entrevista que esses dados são importantes, sobretudo são importantes para você, afinal está pleiteando um cargo nessa empresa, e se o entrevistador perguntar o que sabe sobre ela você estará com a lição de casa cumprida.

Seja sempre honesto em seu currículo, quando não há nenhuma mentira a sustentar, as chances de ficar nervoso na entrevista reduzem significantemente.

Não é preciso dizer que é importante se apresentar com boa aparência, roupas limpas e bem passadas, cabelo arrumado e unhas limpas. Dica: não use perfume (desodorante sim, claro), se o entrevistador for alérgico a cheiros fortes vai tentar terminar a entrevista o mais rápido possível. E estude o lugar que você vai, roupa social é sempre bem-vinda, mas existem empresas onde o próprio dono estará com uma roupa menos formal, caso seja uma empresa com um clima mais descontraído. Nesse caso, ir engomadinho vai te deixar numa posição destoante dos demais, fazendo você se sentir desconfortável, então procure sondar antes, a própria consultoria de RH pode te dar um toque de qual estilo adotar em determinada empresa. Por falar em conforto, esse é um outro ponto crucial, sua roupa tem que te permitir respirar... E nada de transparências e decotes, e a maquiagem tem que ser leve, afinal não é uma festa.

Cada vez mais as empresas utilizam as dinâmicas de grupo para identificar melhor o perfil do candidato, a busca por profissionais que saibam trabalhar em grupo é essencial. Desenvolva um bom trabalho em equipe. Escute os seus colegas, se posicione de forma clara e tranquila, evite entrar em discussões desnecessárias e trate a todos com gentileza e respeito.

Prepare-se para as entrevistas! Muitas vezes o entrevistador te faz uma pergunta não necessariamente para saber a resposta, mas sim para ver como você estrutura sua linha de pensamento. Então treine em casa, em frente ao espelho, com um amigo, é importante praticar, pois você só terá uma chance de mostrar que merece aquele emprego.

Existem algumas perguntas que são bem usadas pelos entrevistadores. Então já se prepare para elas, escreva-as em um papel e responda-as com sinceridade. Na hora, por conta do nervosismo, é capaz de te dar um "branco" quando for indagado, preparando-se você se sentirá mais confiante!

 

- Por que você sairia do seu atual emprego para entrar nesse?

- Quais as suas qualidades e por que elas contribuem no seu dia a dia no trabalho?

- Quais os seus defeitos e como eles podem atrapalhar sua rotina de trabalho? E o que você já está fazendo para melhorá-los?

- Fale sobre casos de sucesso que você teve nas empresas onde trabalhou.

- Conte sobre um desafio que precisou enfrentar e como o solucionou?

- Qual a sua pretensão salarial?

 

Dica: se você nunca trabalhou, pode pensar nas principais situações da sua vida escolar ou em família, por exemplo. O importante é explorar as experiências pelas quais você já passou.

Boa sorte!!!            

Já viu Como montar um currículo?



Todos os direitos reservados 2018
Top